Moto GP: Miguel Oliveira sexto no Texas

No passado fim-de-semana correu-se o Grande Prémio das Américas, terceira prova do campeonato do mundo de Moto GP. Depois de um fantástico pódio na corrida anterior, Miguel Oliveira não foi capaz de repetir a proeza nos Estados Unidos. O piloto português não foi além do sexto lugar na corrida de Moto 2.

Moto GP: Miguel Oliveira sexto no Texas
Foto: Motorsport.com.pt

Hat-trick de Morbidelli

No Circuito das Américas em Austin, estado do Texas, o fim-de-semana foi dominado, na categoria de Moto 2, por Franco Morbidelli. Depois de garantir o primeiro lugar na grelha de partida, o italo-brasileiro dominou a corrida do princípio ao fim, tendo apenas a breve oposição de Alex Marquez.

Contudo, um erro do piloto espanhol atirou-o para lugares mais atrasados, permitindo assim a Morbidelli um caminho tranquilo para a terceira vitória em outros tantos Grandes Prémios. Thomas Luthi e Takaaki Nakagami completaram o pódio.

Quanto a Miguel Oliveira o fim-de-semana não foi dos mais felizes. O português arrancou da sétima posição da grelha, tendo ganho algumas posições no arranque. Todavia, um erro numa das curvas do traçado texano levou o homem da KTM a cair na classificação, acabando a prova no sexto lugar.

No que ao mundial diz respeito, Morbidelli lidera destacadíssimo com 75 pontos, mais 19 que Thomas Luthi. Miguel Oliveira é terceiro com 43 pontos.

Fenati vence e reabre campeonato

Foto: motogp.com
Foto: motogp.com

A corrida de Moto 3 foi, como é seu apanágio, muito disputada. A prova esteve parada durante algum tempo devido a um acidente nas voltas iniciais. Quando recomeçou, o detentor da pole, Aaron Canet travou um duelo aceso com Romano Fenati pelo primeiro lugar. Todavia, o espanhol acabou por cair, deixando o piloto transalpino com uma liderança confortável relativamente ao restante pelotão.

Foto: marca.com
Foto: marca.com

Lá atrás lutava-se pelo pódio com sete pilotos para dois lugares. Os mais felizes acabaram por ser Jorge Martin e Fabio Di Giannantonio, segundo e terceiro, respectivamente. O líder do campeonato, o espanhol Joan Mir, não foi além do oitavo lugar, permitindo assim a aproximação da concorrência.

Assim, Mir lidera o campeonato com 58 pontos, mais seis que Jorge Martin e nove que John McPhee.

Marquez pela 11ª vez

Em Moto GP assistimos a mais um duelo entre Honda e Yamaha. À partida para a corrida, as quatro motas das duas marcas ocupavam os primeiros quatro lugares da grelha, com vantagem para Marc Marquez, em Honda.

As voltas iniciais assistiram a uma interessante luta entre os companheiros de equipa Marc Marquez e Dani Pedrosa, com ambos os pilotos a alternarem na liderança. Mais atrás, o líder do campeonato, Maverik Viñales caía, abrindo espaço para pilotos não-oficiais como Joan Zarco ou Cal Crutchlow disputarem o pódio com Valentino Rossi e os homens da Honda.

Foto: motogp.com
Foto: motogp.com

Zarco e Rossi chegaram mesmo a tocar-se, contudo, a enorme experiência do piloto italiano evitou a queda. Lá à frente Marquez sacudiu a pressão de Pedrosa e começou a ganhar terreno; de tal forma que Rossi chegou mesmo a ultrapassar o 26 da Honda, impedindo assim a dobradinha da marca nipónica. Foi a 11ª vitória de Marc Marquez em solo norte-americano.

Foto: motogp.com
Foto: motogp.com

Com o segundo lugar e a queda de Viñales, Valentino Rossi assumiu a liderança do campeonato com 56 pontos, seguido de Maverik Viñales com 50 e Marc Marquez com 38.

O próximo Grande Prémio terá lugar em Jerez de la Frontera, em Espanha, a 7 de Maio.


Share on Facebook