Dragão supera Rio Ave e sobe à liderança

O Porto foi ao Estádio dos Arcos vencer por 1-2 em jogo a contar para a ronda 6 da Liga NOS.

Dragão supera Rio Ave e sobe à liderança
Porto imparável na Liga

Na ressaca europeia, o Porto foi a Vila do Conde defrontar a difícil equipa do Rio Ave. Os azuis e brancos apresentaram duas novidades no 11, com Sérgio Conceição a apostar em Herrera e Octávio.

No primeiro tempo os mais de 8.000 adeptos viram um duelo muito equilibrado com ligeiro ascendente para os dragões, com relevo para Marega que tentou remar contra a maré. O Rio Ave apresentou um meio campo fortíssimo que impediu o Porto de encontrar espaços para criar perigo. Guedes foi o jogador da casa que mais se destacou mas o 0-0 prolongou-se até ao descanso, perante um Porto sem ideias e a sentir falta de Oliver no centro.

Na segunda parte, o técnico portista pediu maior agressividade e o Porto pressionou muito mais o miolo do Rio Ave. Na fase inicial, Aboubakar falhou escandalosamente o tento, mas na jogada a seguir Danilo abriu o activo. Ao minuto 54, Danilo furou a rede na sequência de um canto dando continuidade à boa entrada nas 4 linhas depois do intervalo. 

O Rio Ave subiu no terreno e colocou a defesa do dragão em sentido. Os invictos aproveitaram para apostar no contra-ataque e Marega não hesitou em aumentar a vantagem após lance genial de Brahimi. O Rio Ave não baixou os braços e Nuno Santos marcou o primeiro golo na Liga e é também o primeiro sofrido pelos dragões. O festejo relançou a discussão do resultado e o Rio Ave apertou os azuis e brancos nos instantes finais. Registo ainda para um cartão vermelho atribuído a Marcão por falta feia sobre Marega.

A vitória não fugiu ao dragão e os 3 pontos transportam o Porto para a liderança, com 6 triunfos em 6 jogos.