Portugal x Nova Zelândia: gerir esforços mas ... sem exagerar

A ronda decisiva da fase de grupos da Taça das Confederações é já este Sábado e só um desastre diante a Nova Zelândia afastará Portugal das meias-finais.

Portugal x Nova Zelândia: gerir esforços mas ... sem exagerar
Portugal enfrenta a Nova Zelândia este Sábado.

Depois do triunfo histórico dos heróis do mar frente à anfitriã Rússia, os lusos terão pela frente a jovem equipa da Nova Zelândia que ainda não somou qualquer ponto no Grupo A. Para derrubar este adversário, Fernando Santos terá de adaptar Nélson Semedo a lateral esquerdo, tudo porque tanto Guerreiro como Eliseu não se encontrarão em condições físicas. 

O comandante das quinas deverá promover algumas poupanças apostando num 11 que não deverá fugir muito do seguinte: Rui Patricio, Cédric, Bruno Alves, Luis Neto, Nélson Semedo, Danilo, Moutinho, Pizzi, Gelson, Nani e André Silva. A Nova Zelândia vem de um desaire amargo diante o México por 2-1 mas chegou ao intervalo com um tento de vantagem. A equipa da Oceânia é irreverente, jovem e terá a motivação extra de enfrentar a nação campeã da Europa. 

Para chegar às meias-finais, Portugal pode até perder frente à Nova Zelândia mas seria inglório para os lusitanos não somar 3 pontos frente a um oponente sem tradição no Desporto Rei. Portugal e México lideram o Grupo A com 4 pontos, seguindo-se a Rússia com 3 e a Nova Zelândia com 0.


Mais notícias de