Euro 2016: RX aos técnicos – Fatih Terim

O experiente treinador turco está a orientar a selecção da Turquia pela terceira vez e pretende levar, novamente, a sua equipa à fase decisiva do Europeu. Fatih Terim é o mais experiente e conceituado treinador turco, sendo assim visto como o homem indicado para cumprir com os objectivos da sua nação.

Euro 2016: RX aos técnicos – Fatih Terim
Fatih Terim está de volta à seleção da Turquia (Fonte: bolanarede.pt)

Aos 62 anos, Fatih Terim foi anunciado como selecionador da Turquia em 2013 ao substituir Abdullah Avci, numa altura em que acumulou as funções de selecionador com as de treinador do Galatasaray, da Turquia. Desta forma, Terim está de regresso à seleção.

Fatih Terim terminou a sua carreira de jogador em 1987/1988, tendo jogado apenas pelo Adana Demirspor e pelo Galatasaray, atuando na linha da defesa. Na época seguinte começou a sua carreira como treinador profissional, passando pelo Ankaragucu, pelo Goztepe e pela seleção da Turquia sub-21.

Em 1993, o treinador turco deixou a seleção sub-21 e foi anunciado como selecionador da equipa A, cargo que manteve até 1996.

Nesse ano, Terim abandonou a seleção e orientou a equipa do Galatasaray. Até à temporada 1999/2000, o treinador conquistou uma Liga Europa (1999/2000), quatro campeonatos nacionais (1996/1997, 1997/1998, 1998/1999 e 1999/2000), duas Supertaças (1996 e 1997) e três Taças da Turquia (1995/1996, 1998/1999 e 1999/2000).

(Fonte: ensonhaber.com)
(Fonte: ensonhaber.com)

Face a este palmarés, Fatih Terim transferiu-se para a Fiorentina, onde ganhou uma Taça de Itália. No ano seguinte, o treinador segue para o Milan, mas sem grande sucesso.

De regresso ao Galatasaray, o treinador esteve no clube turco duas épocas antes de voltar à seleção da Turquia, onde permaneceu durante seis anos.

No entanto, Terim voltaria novamente ao Galatasaray, tendo conquistado dois campeonatos nacionais (2011/2012 e 2012/2013) e uma Supertaça (2012).

Em 2013, perante um pedido de demissão de Abdullah Avci, Fatih Terim volta, pela segunda vez, à seleção turca. Apesar de não ter conseguido o apuramento para o Mundial de 2014, o treinador e a sua equipa apuraram-se para o Europeu de 2016, integrando o grupo D com a Espanha, República Checa e Croácia.


Share on Facebook