Liga dos Campeões: Madrid contra o mundo

São apenas quatro os candidatos que restam para a conquista da Liga dos Campeões. Esta semana temos a primeira-mão das meias-finais. De um lado uma eliminatória, não só totalmente espanhola, totalmente madrilena; do outro a sólida Juventus contra o entusiasmante Mónaco.

Liga dos Campeões: Madrid contra o mundo
Liga dos Campeões: Madrid contra o mundo

Velhos conhecidos

Real Madrid e Atlético de Madrid não são apenas vizinhos e velhos conhecidos da Liga Espanhola. Com efeito, a história recente é marcada por vários desafios entre as duas equipas da capital espanhola na Liga dos Campeões, tendo merengues e colchoneros medido forças na liga milionária nas últimas três temporadas, com o Real a levar sempre a melhor.

Dois desses três embates deram-se em finais da competição. Em 2014, o Real venceu por 4-1 a final disputada no Estádio da Luz. Após estarem a perder desde cedo na partida, os merengues conseguiram empatar em cima do minuto 90 pelo inevitável Sergio Ramos. No prolongamento os madridistas foram implacáveis, vencendo por 4-1.

Novo embate ficou reservado para a final da última temporada, jogada em San Siro. Aí o filme repetiu-se com novo empate a um golo. Ao contrário da final de Lisboa, a decisão ficou reservada para as grandes penalidades onde, mais uma vez, a sorte sorriu ao Real Madrid.

Podemos assim dizer que se trata já de um clássico da Liga dos Campeões. Veremos se a história se repete ou, por outro lado, se Diego Simeone e o Atlético conseguem finalmente ultrapassar o muro merengue.

Nesta edição da prova, os campeões em título, Real Madrid eliminaram o Nápoles e o Bayern de Munique. Já o Atlético levou a melhor diante de Bayer Leverkussen e Leicester City. A primeira-mão é já esta 3ª feira, no Santiago Barnabéu.

A força imparável contra o objeto inamovivel

Na outra meia-final temos um encontro de estilos e filosofias. De um lado está a Juventus; a campeã italiana é a melhor defesa da Champions, tendo concedido apenas dois golos ao longo de toda a competição. Depois de eliminar FC Porto e Barcelona, à vecchia signora falta apenas um obstáculo por ultrpassar até à final de Cardiff.

Mas este obstáculo não é uma equipa qualquer. Trata-se da equipa sensação da Liga dos Campeões, o AS Mónaco. Os comandados de Leonardo Jardim são o segundo ataque mais concretizador da Europa, apenas atrás do Barcelona.

Depois de vencer o seu grupo, os monegascos têm vindo a surpreender a cada ronda que passa. Os actuais líderes da Liga Francesa chocaram tudo e todos ao eliminarem o Manchester City e Borussia de Dortmund para chegar às meias-finais da Liga dos Campeões, algo que não acontecia desde 2003/2004.

Frente-a-frente a solidez defensiva de Buffon, Bonucci, Chiellini e companhia, contra a fantasia e vertigem de Bernardo Silva, Falcão ou Kylian Mbappé. Dois estilos de jogo diferentes entram em campo, veremos quem sairá por cima. O primeiro jogo está marcado para 4ª feira, no Principado do Mónaco.


Share on Facebook