Luta a dois na Premier League

A vitória do Chelsea diante do Manchester City na passada quarta-feira praticamente afastou os citizens da luta pelo título. Com oito jogos pela frente, a luta pelo primeiro lugar parece reservada a Chelsea e Tottenham. Olhemos mais de perto para o que resta do calendário destas duas equipas na batalha pelo título de campeão inglês.

Luta a dois na Premier League
Luta a dois na Premier League

Depois de uma época para esquecer, e que culminou com um humilhante 10º lugar e a ausência das competições europeias, o Chelsea voltou esta temporada à sua melhor forma. Sob o comando de Antonio Conte, os blues à muito que lideram o campeonato inglês, estando assim em excelente posição para voltar a conquistar a prova.

Apesar de estar na posição cimeira, o Chelsea tem ainda pela frente duros duelos até final da temporada. Conhecida que é a extrema competitividade da Premier League, a perda de pontos pode acontecer a qualquer momento, e contra qualquer adversário.
Os oito jogos que restam até final do campeonato dividem-se da seguinte maneira:

Jogos em casa:
- Watford
- Southampton
- Middlesbrough
- Sunderland

Jogos fora:
- Bournemouth
- Manchester United
- Everton
- West Bromwich Albion

Em teoria, os homens de Antonio Conte terão vida fácil nos jogos caseiros, podendo aí construir em definitivo a conquista do campeonato. No que às deslocações diz respeito, destaque para as visitas ao Manchester United e ao Everton, duas equipas que certamente colocarão muitas dificuldades aos londrinos.

O outro candidato ao título é o Tottenham. Pelo segundo ano consecutivo os Spurs voltam a estar na luta pelo campeonato. Se no ano passado o adversário foi o extraordinário Leicester, esta época a concorrência já não surpreende. A equipa de Mauricio Pochettino voltam a ter um grande muro azul a separá-los da glória.

Até final da época os Spurs estarão em modo de perseguição, tendo assim margem mínima de erro, na esperança que adversário vá perdendo pontos. O calendário do Tottenham reza assim:

Jogos em casa:
- Watford
- Bournemouth
- Arsenal
- Manchester United

Jogos fora:
- Leicester
- Crystal Palace
- West Ham
- Hull City

No papel, os comandados de Pochettino parecem ter tarefa mais complicada, especialmente diante de Arsenal e Manchester United. Para além disso, há ainda a visita ao renascido Leicester e ainda ao Olímpico de Londres para enfrentar o West Ham.

Sabemos que o futebol é um fenómeno imprevisível, algo que ganha toda uma outra dimensão quando esse futebol é o da Premier League. Assim, e apesar de haver sete pontos de distância entre Chelsea e Tottenham, será imprudente e até inútil, fazer qualquer tipo de prognósticos. Resta aproveitar o espectáculo.


Share on Facebook