Pole Position para Hamilton em Montreal

Lewis Hamilton conquistou a pole position do GP do Canadá e será cabeça de pelotão na corrida de domingo. O inglês foi o mais rápido entre os pilotos e garantiu a sexta pole position da temporada em sete corridas. A seu lado na grelha de partida estará o companheiro de equipa Nico Rosberg, logo seguidos pelos finlandeses Kimi Räikkönen e Valtteri Bottas.

Pole Position para Hamilton em Montreal
Sexta pole position da temporada para Hamilton

Lotus em destaque

A sétima prova do campeonato iniciou-se com mais um luta entre os Flecha de Prata da Mercedes a querer o melhor tempo na primeira sessão de qualificação. Ainda assim, foram os Lotus de Romain Grosjean e Pastor Maldonado que estiveram em destaque. A dupla conseguiu tempos interessantes, e ainda que apenas garantissem a passagem à Q2, estiveram em grande plano por conseguirem tempos inferiores aos Mercedes.

Sem incidentes a registar a Q1 foi o pesadelo para a Ferrari e Sebastian Vettel. O alemão entrou em pista a um minuto e meio do final da sessão e não conseguiu a passagem à Q2. Pelo caminho ficou também Felipe Massa que teve um início de época para esquecer. Os bons resultados da época passada não fizeram efeito no brasileiro que mais uma vez não consegue o destaque dentro da equipa. A eliminação de Sebastian Vettel permitiu a Fernando Alonso qualificar-se mesmo à justa para a Q2. Mais uma vez o espanhol teve dificuldade para encontrar ritmo e subir lugares na grelha.

Na segunda sessão de qualificação os Mercedes entraram com mais gás e não deram hipóteses à concorrência. Hamilton e Rosberg cedo marcaram posição sendo os únicos pilotos com verdadeiras possibilidades de conquistar a pole em Montreal, rodando no segundo 14’, distantes do resto do pelotão. Os Lotus estiveram mais uma vez em destaque, bem como Kimi Räikkönen, que sendo o único Ferrari em pista seria o único trunfo da Scuderia italiana.

De fora para a terceira e última sessão ficaram Fernando Alonso, os Toro Rosso de Carlos Sainz e Max Verstappen e os Sauber de Marcus Ericsson e Felipe Nasr. Verstappen terá uma penalização de quinze lugares por causar um acidente na sessão anterior e ter utilizado o quinto motor da temporada em sete corridas.

Hamilton com raça de campeão

Na derradeira sessão de qualificação a única luta foi a dos Mercedes de Hamilton e Rosberg que lutaram até ao final pela conquista de mais uma pole position. A sorte caiu para o lado do inglês que, após ter falhado o primeiro lugar no GP do Mónaco por falha da equipa, conseguiu mais uma conquista esta temporada. Seis poles em sete corridas, Hamilton só falhou a qualificação no GP da Catalunha.

Kimi Räikkönen e Valtteri Bottas foram, para além do duelo dos Mercedes, os pilotos em destaque na terceira qualificação garantindo a terceira e quarta posição, respectivamente.

Grelha de Partida do GP do Canadá

1 – Lewis Hamilton (Mercedes)

2 – Nico Rosberg (Mercedes)

3 – Kimi Räikkönen (Ferrari)

4 – Valtteri Bottas (Williams)

5 – Romain Grosjean (Lotus)

6 – Pastor Maldonado (Lotus)

7 – Nico Hulkenberg (Force India)

8 – Daniil Kvyat (Red Bull)

9 – Daniel Ricciardo (Red Bull)

10 – Sergio Perez (Force India)

O circuito Gilles Villeneuve

Localizado na Ilha de Notre Dame, na cidade de Montreal, o circuito foi baptizado em homenagem ao antigo piloto canadiano Gilles Villeneuve, após a sua morte em 1982. Depois do Mosport Park em Bowmanville, no Ontario e do Circuito Mont-Tremblant, no Quebec, o Circuito Gilles Villeneuve é o terceiro traçado diferente a albergar o GP do Canadá.

Pelas suas características, o circuito canadiano apresenta-se com um perfil de alta velocidade. Os 305.270 km entre a partida e a meta farão os pilotos lutar em cada uma das 70 voltas do circuito. As curvas, essas são apenas 13, com especial destaque para a curva 2, a Virage Senna e para a curva 10, a Épingle, dois ganchos lentos que serão uma dor de cabeça para os pilotos. Ainda assim, o trajecto conta com várias rectas parciais e com duas zonas de activação do DRS que permitirão aos pilotos tirar o máximo partido dos seus monolugares e, claro está, dar ainda mais emoção aos espectadores!

O Grande Prémio do Canadá está agendado para este domingo, às 19h, com transmissão aqui na Vavel.