Volta a Espanha: Tubarão ataca

Vincenzo Nibali foi o mais forte e saiu vencedor da etapa 3 da Vuelta. Froome foi buscar 7 segundos de bonificação e é o novo líder.

Volta a Espanha: Tubarão ataca
Nibali mostra-se em boa forma // Fonte: Cycling Weekly

O vencedor da terceira etapa da Volta a Espanha 2017 foi Vincenzo Nibali (Bahrain-Merida) que, depois de passar algumas dificuldades na última subida, conseguiu juntar ao grupo da frente e desferir um ataque letal. Froome foi terceiro e é o novo líder da corrida.

Etapa não tão nervosa como a de ontem, com a fuga a formar-se naturalmente e com a Quick-Step na perseguição. Mas quando a corrida começou a aquecer, foi a Sky que foi para a frente do pelotão e endureceu muito a corrida.

Rui Costa atacou no início subida, juntamente com o seu colega Atapuma, mas esse ataque não deu em nada pois foram absorvidos no final da subida, tal como os últimos fugitivos. Depois da subida, Froome foi buscar 2 segundos de bonificação que acabaram por ser importantes.

A 8km do fim foi o momento do ‘Vroom Vroom’ Froome. O britânico atacou e apenas Estéban Cháves o conseguiu acompanhar. Aru e Bardet eram aqueles que mais perto estavam e conseguiram colar na frente. Já no último quilómetro chegou o grupo perseguidor que trazia Nibali, que chegou e atacou no momento certo, levando assim a vitória de etapa.

Froome é o novo líder da prova com 2 segundos de vantagem para David de la Cruz, que foi segundo, e para Nicolas Roche.

Amanhã será a segunda oportunidade para os sprinters. É esperada uma etapa mais tranquila do que a de domingo, mas não se podem descuidar, pois já perderam uma oportunidade.