Volta a França: Primeira para Sagan

Campeão do mundo foi o primeiro a ultrapassar a meta numa difícil chegada a Longwy. Tudo na mesma na geral.

Volta a França: Primeira para Sagan
Vitória muito importante para o objetivo de Sagan - a conquista da camisola verde // Fonte: Eurosport

Peter Sagan, ciclista da Bora-Hansgrohe, foi o mais forte nesta terceira etapa do Tour. Numa chegada complicada mostrou estar em muito boa forma e conseguiu bater Michael Matthews (Sunweb) e Dan Martin (Quick-Step Floors) ao sprint.

Finalmente chegou o bom tempo à Volta a França e isso notou-se no pelotão, principalmente a nível do nervosismo: foi um dia bem mais tranquilo. Ter sido um dia tranquilo não quer dizer que se andou com calma, antes pelo contrário, o pelotão não deu qualquer hipótese à fuga. Quando a fuga acelerava, o pelotão respondia, e foi assim até ao momento em que as equipas dos favoritos à etapa decidirem alcançar os fugitivos.

Já na última subida viu-se algo que não se esperava: os favoritos a atacarem-se entre si. Richie Porte abriu as hostilidades e foi seguido prontamente por Alberto Contador; por seu lado, Froome sentiu algumas dificuldades, mas conseguiu manter-se no grupo.

Alheado disto tudo estava Peter Sagan, que seguia sempre bem posicionado. Quando chegou a altura de lançar o sprint, saltou o pé do pedal ao campeão do mundo, mas isso não o impediu de conquistar esta etapa num sprint muito longo que teve Michael Matthews como seu maior rival. Fica aqui o top-15 da etapa:

Amanhã temos novamente um dia plano e onde se espera uma chegada em pelotão compacto a Vittel. Outra para Kittel? Segunda para Sagan? Ou será que vamos ter outro ciclista a bater a concorrência?


Share on Facebook